O Grupo Izzo esclarece sobre a nova decisão da Justiça

Sobre a decisão da Justiça Estadual que estabeleceu novo valor de causa para a ação que discute o direito de exclusividade sobre a comercialização da marca Harley-Davidson no Brasil, o Grupo Izzo esclarece que foi ele o postulante do incidente processual que alterou o valor da causa de R$ 100 mil, informado à Justiça pela Harley-Davidson, para os atuais R$ 17,6 milhões.

A alteração, entretanto, não representa o valor do negócio no país, ou ainda proposta de acordo para encerramento do processo. Trata-se apenas de uma base de cálculo para custas processuais e honorários advocatícios.

Ao contrário da notícia publicada pelo site Motociclismo Online, a Justiça agora aguarda que a Harley-Davidson recolha em até cinco dias a partir da publicação do despacho, as taxas da ação baseadas no novo valor, sob pena de extinção do processo.

O Grupo Izzo reforça que o contrato de exclusividade entre o grupo e a gestão global da marca foi mantido em vigor pela Justiça até dezembro de 2015, conforme compromissos assumidos anteriormente pelas duas partes.

Raul Fernandes Jr.

fonte: Motociclismo Online